29 de janeiro de 2017

Queridos amigos e leitores: "Matadouro Imperfeito" acaba de chegar!!!

"Repare que teus olhos hão de sair renascidos das travessias poéticas desse livro de Claudine.O poema é sempre um micro mapa para o desconhecido. O poema insinua ensinar a ir, sem dar pista de voltar. A leitura é o caminho e o lugar a que leva o poema. O poema sai de cena quando termina, para que o leitor caiba na justa medida cristalina de se perceber transmutado, feito uma transfusão sem antídoto, que o torna outro, diferente daquele que teria sido não fosse este livro em seu destino."

(Joel Ghelen -  Editora Letradágua )


Nenhum comentário:

Postar um comentário